Bolo de Cenoura com Café preto.

Bolo de Cenoura com Café preto.

domingo, 20 de setembro de 2009

Domingo, pé de cachimbo!

O cuscuz!

Farinha de milho: Usei Sinhá. Acho parecido com a Milharina do Sergipe.
Manteiga: usei Ghee. Fiz na semana passada.
Ovo: 1 por pessoa.
Sal: 1/2 col chá.
Pão: jacó / de trigo...
1 xícara de Farinha de Milho.
Quem for livre e feliz, faz no olhÔmetro.
Fica tudo igual.
Como sou metódica e quadrada, fiz na medida.
Sal.
1/2 xícara de água.

Mistura até que fique uniforme.
Deixa descansar por 1 min.
A farinha vai crescer um pouquinho.

Cuscuzeiro, a famosa panela de fazer cuscuz.
Ela é comprida e tem uma telinha no meio.
Retire a tela e coloque dois dedos de água para ferver. O cuscuz é feito no vapor.

Meu cuscuzeiro é queimadinho...
Tem as marcas dos meus vacilos na beira do fogão.
Quando a água estiver fervendo,
e o cuscuz já tiver descansado aqueles 10 minutinhos,
adiciona a massa à panela.
Espera uns 10 a 15 minutos cozinhando,
ou quando a cozinha já cheirar ao milho cozido.
Fiz Ghee semana passada.
Não ficou a melhor coisa.
Resolvi tentar o ovo mexido com ela em vez da manteiga comum.

Acho que não consegui tirar toda a espuma da manteiga para fazer a ghee.

Cuscuz depois dos 10 minutinhos.

Desenformado.

Café preto.
Cuscuz com a ghee por cima, derretendo.
Ovo mexido.
Pão Jacó, ou pão de trigo.
Açúcar demerara para pôr no cuscuz. Não é obrigatório, só questão de gosto.

Café da Manhã Nordestino.
Com algumas mudanças sutis...

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Gerações...

Dona May e dona Lucy. A vó que ensiou a mãe, que passou para a netinha aqui, a arte de fazer cuscuz.
Salve, dona Lucy! Grande senhora do cuscuzeiro...

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Vai aí um Chai?!


Não coloquei todas as fotos e a receita por estou com problema no upload!
Assim que resolver completo o passo a passo.

Prana Yoga de Agosto traz a receitinha do Chai.



O leite medido artesanalmente.
Liquidificador também serve para essas coisas...

Chai quentinho na caneca.

Tcharãn!

Canela para decorar, fazer o contraste da espuma de leite brança com o tom "terra" do pozinho.

Pão com Castanha!!!

Farinha de Trigo: 1 Kg;
Açúcar: 2 col sopa;
Sal: 1 col sopa;
Óleo: 1 copo;
Ovos: 2 uni;
Fermento Biológico Seco: 10 g;
Farinha de Castanha: 8 col sopa.
Água morna (36° a 38°): 250 ml


Farinha.

Fermento.

Açúcar.
Usei demerara.
Adoça igual.

Sal.

Castanhas aos poucos.
Entre uma colherada e outra, mexe.


Óleo.

Farelo amarelo.
Acrescentar aos poucos a água morna.
Mexe sempre.
A massa está boa quando já não gruda mais na mão.
Dica: tenha reservada uma quantidade de farinha de trigo.
Se a massa começar a pegar demais, acrescenta um pouco de farinha.

Depois de sovar bastante.
Deixa descansar por 2 horas.
Coloquei dentro do forno, desligado, para não pegar corrente de ar.
Ele vai crescer...
Cresceu.

Sova mais um bocado e coloca para crescer por mais 30 min.
Fim dos 30 min de descanso, cresceu de novo.
Em forno pré-aquecido, coloca o pão para assar por 30 min.
Fogo médio.


Quase queima!
Para ficar desse jeito, o pão ficou 40 minutos no forno.
Uiuiuiui!

Pão pronto.

Em fatias.
Receita do sítio "tudogostoso".
De osada, acrescentei as castanhas à receita do pão tradicional.
Modo de preparo foi aquele indicado no verso do Fermento Fleischmann.

Pãozinho de Milho


Polvilho azedo: 500 g;
Óleo: 150 ml;
Leite: 300 ml;
Ovos: 3 uni;
Sal: 1/2 col chá;
Milharina: 1 copo americano;
Errata: fermento fica para outra ocasião.

O leite.
O óleo.
Mais o sal na panela.
Polvilho azedo. O mesmo que usa para o pão de queijo mineiro.
Óleo, leite, sal no fogo até ferver.
Ferveu!
Acrescenta o polvilho e deixa escaldar por um tempo.
Depois sova até formar uma bolinha.
Os outros ingredientes. No lugar do queijo o milho...
Bolinha amarela.
Bolinhas de pãozinho na forma.
20 minutos depois, em forno a 180°C.
Queijo cremoso...
Cheirosos e gostosos.
Próxima sexta outra receita...